quinta-feira, 20 de janeiro de 2011

Metrô de Salvador










Metrô de Salvador

O Metrô de Salvador é o futuro sistema de metrô da cidade de Salvador e será operado pela Companhia de Transportes de Salvador. Quando concluído terá 28 estações e 48,1 km de extensão, transportando cerca de 400 mil usuários/dia.

História

A Companhia de Transportes de Salvador foi criada em 1999 com o objetivo de modernizar o Trem Suburbano e implantar o metrô em Salvador.
A implantação do sistema foi dividida em quatro etapas:

Etapa
Lapa ↔ Pirajá
---
Pirajá ↔ Pau da Lima
Calçada ↔ Rodoviária Iguatemi
Pau da Lima ↔ Cajazeiras
Rodoviária Iguatemi ↔ Imbuí
---
Imbuí ↔ Mussurunga
As obras foram iniciadas em 1997, mas sua construção só foi iniciada em abril de 2000 a partir da Linha 1 pertencente a primeira etapa do projeto. A abertura deste primeiro trecho foi programado inicialmente para meados de 2003, mas depois de muitas paralisações nas obras a data foi prorrogada para dezembro de 2008, mas não há ainda previsão de quando o metrô entrará em funcionamento, devido ao estágio atual da construção, sem que qualquer parte tenha sido concluída.
O Governo Estadual, adquiriu os trens e os entregou mesmo sabendo que, devido aos atrasos da obra, de responsabilidade municipal, eles não treiam onde ficar, e hoje os três começam a apresentar sinais de degaste do tempo e das chuvas nos galpões alugados pela prefeitura em que estão guardados. O aluguel dos galpões custa à prefeitura por volta de R$80.000,00 (oitenta mil reais) por mês.

Características do Sistema

Trem da Korail, fabricado pela Rotem, semelhante aos fabricados para o metrô de Salvador.
A primeira fase deste sistema contaria com oito estações e uma extensão total de 12 km dos quais 1,5 km será subterrâneo, 4 km em via elevada e 6,5 km em superfície. Entretanto, o projeto foi reduzido para apenas 6 km, ligando a Estação da Lapa à Rótula do Abacaxi.
Os veículos deste sistema trafegarão a uma velocidade média de 37 km/h. A bitola será de 1435 milímetros e a alimentação dos trens é feita por catenárias aéreas utilizando uma tensão de 3000 VDC.
A linha do Trem Suburbano transporta atualmente uma média de 17 mil passageiros por dia. A bitola é de 1,60 m, a alimentação dos trens é feita por catenárias aéreas a uma tensão de 3000 VDC, e a média de intervalo entre os trens é de cerca de 15 minutos.

Parque de tração

Foram adquiridos 6 trens de 4 carros da Hyundai Rotem. Após chegarem à Bahia em 2008 , os trens foram guardados nos galpões da Companhia de Transporte de Salvador.[1][2]

Tabela do Sistema

Linha
Terminais
Extensão
Inauguração
Comprimento (km)
Estações
Duração das viagens (min)
Funcionamento
1
Lapa ↔ Pirajá
Pirajá ↔ Cajazeiras**
---
20,1
8*(11)
---
Em obras.
2
Calçada ↔ Mussurunga
---
---
23,9
8
---
Em estudo.
Trem Suburbano
Calçada ↔ Paripe
---
A partir de 2005
13,5
9
25
Diariamente, das 05:00 às 23:00
(*) Estações em Construção • (**) Trecho em Estudo

Linhas do Sistema


Metrô de Salvador
*em obras **em estudo

Frota (Trem suburbano)

Modelo/Série
Potência (kW)
Bitola (m)
Fabricante
Origem
Ano de Fabricação
Adquirente Inicial
Frota Ativa
Frota Inativa
Frota Total Carros
Linhas de Operação
Carro Motor - ACF
---
1,00
6
2
8
580
1,00
3
3
6
TOTAL
















 50% dos votos indicam que todos acreditam que o metrô sai esse ano.
Agora eu pergutno será que vai sair mesmo. Pergunta não ofende...
Kaio Design Bus Bahia.O seu transporte em primeira mão...

Nenhum comentário:

Postar um comentário