sexta-feira, 26 de abril de 2013

SPORT CAR: FIAT 500 TERÁ VERSÃO MULTIAIR FLEX EM JULHO


FIAT 500 TERÁ VERSÃO MULTIAIR FLEX EM JULHO

Motor mais sofisticado vai se tornar bicombustível, mas o apimentado Abarth não deve chegar tão cedo e a Alfa Romeo só virá em 2014

Fiat 500 Abarth (Foto: Marlos Ney Vidal )
 
Ao contrário da versão de entrada do Fiat 500 equipada com motor 1.4 EVO, o modelo mais sofisticado MultiAir ainda não tinha a facilidade do sistema flex de combustível. Isso muda a partir de julho, quando o charmoso subcompacto top passa a ser bicombustível. A confirmação veio de concessionários. A mudança deve dar uma ligeira apimentada no rendimento do motor, que gera 105 cv de potência e 13,6 kgfm de torque.

Será o primeiro MultiAir flex do mundo. O sistema controla a entrada de ar nos cilindros graças ao acionamento eletro-hidráulico das válvulas, o que deve casar bem com a exigência de taxa de compressão diferente para a queima de etanol e servirá também de mostruário para as possibilidades de economia de combustível proporcionada pelo mecanismo.
Enquanto isso, o feroz Abarth ainda está longe de ser confirmado para o mercado nacional. 

Fonte ligada ao fabricante não nega os planos de importação, mas diz que dificilmente o modelo preparado pela divisão esportiva chegará ainda em 2013. Alguns concessionários ouvidos afirmam que o 500 Abarth pode desembarcar oficialmente por volta de dezembro.
Nosso colaborador Marlos Ney Vidal flagrou unidades do modelo equipadas com o novo motor 1.4 MultiAir turbo de 162 cv e 23,5 kgfm de torque em testes nos arredores da fábrica de Betim. Segundo fonte, o modelo será lançado ainda em julho para o mercado da América Latina, o que explica em parte os testes frequentes de engenharia. Os planos para o mercado brasileiro são mais do que uma possibilidade, já que a marca se deu ao trabalho de homologar o motor MultiAir turbo para o Brasil.

Equipado sempre com câmbio manual de cinco marchas, o hatch acelera aos 100 km/h em 7,5 segundos e chega aos 210 km/h. Ainda não foram definidos preços, mas certamente o 500 Abarth virá mais barato que os rivais maiores Citroën DS3 e Volkswagen Fusca (ambos no patarmar de 79 mil). Lá fora, o Abarth está disponível também na versão 500C com teto deslizante de lona.


Fiat 500 Abarth (Foto: Marlos Ney Vidal)

 
 


As vendas serão feitas nas próprias concessionárias da Fiat. Enquanto isso, a Alfa Romeo deve atrasar a sua chegada para o ano que vem. Mas não estão descartados os planos da marca do cuore esportivo, que pretende usar a rede ampliada da Chrysler como ponto de vendas (ambas pertencem ao grupo Fiat).
 
Fonte: AUTOSPORT
 
 

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário