sábado, 20 de setembro de 2014

NEWS ROOM BA: FESTIVAL DA PRIMAVERA COMEÇA HOJE NO RIO VERMELHO: CONFIRA AS OPÇÕES DE TRANSPORTES


FESTIVAL DA PRIMAVERA COMEÇA HOJE NO RIO VERMELHO: CONFIRA AS OPÇÕES DE TRANSPORTES 

 Ruas serão interditadas das 7h de hoje até 0h de segunda-feira, e transporte público funciona com modificações

A segunda edição do Festival da Primavera, que promete tomar conta do Rio Vermelho, neste sábado (20) e domingo (21), vai obrigar algumas mudanças no trânsito da região. Para chegar ou sair do bairro é preciso prestar atenção - esteja você indo ao evento ou não. O festival começa logo às 7h de hoje, com um circuito funcional na Praia da Paciência. 

A interdição nas vias onde a festa vai acontecer começa no mesmo horário e vai durar até a meia-noite de domingo. Anote aí: não será possível trafegar pela Rua da Paciência, assim como pelas ruas Guedes Cabral e Borges dos Reis, além da Praça Colombo.

Só moradores poderão acessar esses locais, desde que apresentem comprovante de residência. No entanto, de acordo com o superintendente da Transalvador, Fabrizzio Muller, até a permissão dos residentes vai depender das condições das ruas. 

“Se a via estiver completamente tomada por pessoas, nem morador passa. A prioridade é a segurança do pedestre”, afirmou. Assim, a orientação do órgão é que quem for curtir a festa tente deixar o carro em casa, optando por táxi, ônibus ou carona. 


Já os veículos que passam pela Avenida Cardeal da Silva continuam na Travessa Prudente de Moraes e na Rua da Paciência até a Rua Eurycles de Matos. Diferente do ano passado, desta vez a Rua João Gomes, que vai do Largo da Mariquita até o Largo da Dinha, não terá barreiras de acesso.
Segundo Muller, no festival de 2013, a via foi fechada inicialmente, mas foi logo aberta. “Optamos por não fechar, porque não percebemos um impacto grande. Além disso, a João Gomes é o caminho natural dos ônibus que sobem a (avenida) Cardeal da Silva”.

Ônibus terão reforço; Zona Azul vai custar R$ 10
A frota de ônibus no Rio Vermelho deve ser reforçada para o Festival da Primavera. Segundo o superintendente da Transalvador, Fabrizzio Muller, 15 linhas que passam pelo bairro contarão com ônibus extras - ao todo, serão 58 veículos convencionais, além de 10 reguladores.
“Esses vão ficar na Estação da Lapa. Se sentirmos que há necessidade em alguma linha, eles serão colocados”. As linhas que passam pelas vias interditadas devem ser desviadas e seguir pelas mesmas alternativas dos carros de passeio. 

Hoje, os coletivos circulam até meia-noite. Amanhã, tem ônibus até 23h. Além disso, dois pontos de táxi devem concentrar a maior parte dos veículos: um ao lado do Bompreço, próximo ao McDonald’s, e outro entre a Avenida Oceânica e a Rua Bartolomeu de Gusmão (rua que entra da Garibaldi).
“Mas há outros pontos no entorno. Onde já tem ponto, vai continuar”, garantiu Muller. E se, mesmo assim, você preferir ir com o seu próprio carro, pode estacionar em uma das 200 vagas que serão criadas para a Zona Azul. De acordo com a Transalvador, elas ficarão distribuídas nas ruas do Canal, Juazeiro, Alagoinhas, Itabuna e Ilhéus, Odilon Santos. 

A tarifa será diária e vai custar R$ 10. Segundo o presidente do Sindicato dos Guardadores, Melquisedeque Souza, cerca de 20 guardadores devem trabalhar no evento. “As pessoas devem procurar os guardadores uniformizados e evitar estacionar em locais não regulamentados, com flanelinhas, porque podem ter problemas com guincho e multa”. 

Os guardadores sindicalizados usam uma camisa azul de gola polo e listras amarelas na manga e no colarinho, além do crachá de identificação. Por isso, até quem mora no Rio Vermelho, como a socióloga Adriana Carvalho, 44 anos, já avisou à família para deixar o carro em casa. “É sempre um problema estacionar. Com as ruas fechadas, vou andando”.

Segurança será feita por 400 policiais militares
Cerca de 400 policiais militares devem fazer a segurança do público que for ao Festival da Primavera. De acordo com o major André Ricardo Guimarães, comandante da 12ª Companhia Independente (Ondina/Rio Vermelho), 307 PMs vão ficar apenas no perímetro da festa, incluindo os acessos. Já o restante deve ser distribuído nas ruas do entorno. 

“Teremos policiais a pé, fazendo patrulhas em duplas ou trios, assim como viaturas e motocicletas. Nos acessos, temos um policiamento orientado a fazer revista por amostragem”, afirmou o comandante. A operação vai contar com policiais do Comando de Policiamento Atlântico, das Rondas Especiais (Rondesp), da Cavalaria e do Esquadrão Águia, além da equipe da 12ª CIPM.
“O público esperado para os dois dias é de até 60 mil pessoas. Por ser uma festa de rua, com grande aglomeração popular, orientamos que as pessoas evitem ficar com objetos de valor na mão e levem somente dinheiro em espécie e um documento de identificação”, disse. 

Um efetivo da Guarda Municipal deve fazer a proteção do patrimônio público. Segundo a assessoria da prefeitura, 30 agentes devem acompanhar os 32 fiscais da Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop) e outros 12 guardas devem trabalhar com servidores da Transalvador. 

Além disso, outros serviços públicos vão atuar em regime de plantão durante o festival. Ainda segundo a assessoria da prefeitura, duas ambulâncias ficarão à disposição do público: uma das 16h de hoje às 4h de amanhã, enquanto a outra ficará com o período das 10h às 22h de amanhã.
Para fazer a limpeza antes e depois da festa, a Empresa de Limpeza Urbana (Limpurb) contará com dois compactadores, dois caminhões, três caminhões-pipa e um carro de apoio. 

Segundo a assessoria, serão instalados 70 sanitários químicos nas ruas próximas e dois climatizados, nos largos de Santana e da Mariquita.



Vamos montar um esquema especial de serviços para o #FestivaldaPrimavera, que acontece nesse final de semana no Rio Vermelho. Confira quais os serviços disponibilizados e como eles vão funcionar:

Segurança - 307 policiais militares vão garantir a segurança do público. A Guarda Municipal vai apoiar este trabalho preventivo e também fazer a proteção do patrimônio municipal e dos serviços da Prefeitura que vão funcionar durante o festival. 30 agentes vão atuar ao lado da equipe da Semop e outros 12 estarão trabalhando junto com a Transalvador.

Saúde - A Secretaria Municipal de Saúde vai disponibilizar duas ambulâncias avançadas, uma das 16h de sábado às 4h de domingo e a outra das 10h às 22h de domingo.

Ordenamento - A Secretaria de Ordem Pública irá trabalhar com fiscais para garantir o ordenamento dos ambulantes no local, além de fiscalizar a comercialização de churrascos com espetinhos e bebidas em garrafa.

Poluição sonora - Agentes da Superintendência de Controle e Ordenamento do Uso do Solo do Município (Sucom) estarão de plantão durante os dois dias do Festival da Primavera para fiscalizar a publicidade irregular e realizar a medição do som que será emitido no evento.

Limpeza - A Limpurb vai garantir a limpeza antes e depois do evento nas ruas do Rio Vermelho. Serão instalados 70 banheiros químicos, espalhados pelas ruas próximas aos locais onde serão realizadas as atividades do festival, e dois climatizados, que ficarão nos largos de Santana e da Mariquita.
Curta com consciência e bom festival \o/






Fontes: Prefeitura de Salvador / Correiro da Bahia 



 

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário